Servidores da segurança pública vão às ruas pelo fim do parcelamento dos salários
13.Set.2017

Aconteceu nesta quarta-feira, 13/09, em Belo Horizonte, mais uma manifestação dos servidores da segurança pública em defesa dos direitos salariais que vêm sendo desrespeitados pelo governo do Estado de Minas Gerais. Organizado por parlamentares e entidades da classe militar, o movimento ganhou a adesão dos policiais civis e agentes penitenciários.

A categoria apresentou os seguintes pleitos: retomada do pagamento integral no quinto dia útil; reposição das perdas inflacionárias e reajuste salarial, conforme determina a legislação que estipulou a data base.

O presidente da Aspra/PMBM, sargento Bahia, que esteve à frente da mobilização dos militares desde o ano de 2016, manifestou publicamente a insatisfação da categoria. “Vivemos essa situação absurda de parcelamento dos nossos salários há um ano e nove meses. É inadmissível o descaso do governo com tantos profissionais que arriscam as suas vidas diariamente para garantir a segurança da população. Quem vive para proteger merece respeito para viver”, disse Bahia.

O ato público reuniu milhares de pessoas – entre ativos, inativos e pensionistas da capital e interior do estado - na Praça da Liberdade, em frente ao Palácio do Governo de Minas. Em seguida, o público fez uma caminhada até a Praça da Assembleia, onde voltaram a cobrar dos representantes públicos apoio para restabelecer os direitos e garantias da classe.

A manifestação foi pensada e organizada pelos parlamentares Subtenente Gonzaga e Sargento Rodrigues, bem como pelas instituições representativas dos militares, a saber: Aspra/PMBM, CSCS, Ascobom e COPM.

Para fortalecer o movimento, as regionais da Aspra/PMBM enviaram caravanas, provenientes das seguintes cidades: Juiz de Fora, Uberaba, Uberlândia, Passos, Poços de Caldas, Unaí, Montes Claros, Valadares, Manhuaçu, Janaúba, Muriaé, Itabira e Ipatinga.

Em breve será marcada uma audiência pública na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) para tratar sobre o tema.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

 

Temos 55 visitantes e Nenhum membro online


PLANTÃO JURÍDICO CRIMINAL

(31) 98711-8120

plantao juridicoCAPITAL